sexta-feira, 23 de janeiro de 2009

Projovem Urbano... "Somos tão jovens"


O Governo Federal inicia esse ano com mais um projeto, o Projovem Urbano onde as demais capitais e municípios do país se integraram para uma proposta social. E desde o inicio de seu mandato que o nosso presidente junto ao seu governo vem desempenhando propostas para o social, como bolsa família, bolsa escola entre outros.

O Projovem é mais de seus projetos que infelizmente alguns espertinhos aproveitarão pra se beneficiarem. Vejo que isso ainda não é algo que trará uma solução social, mas se torna um exemplo que pode ser melhorado ou que possa ser de referência ao próximo presidente.

O comercial foi veiculado no fim do ano passado, mas como tinha dito no post anterior que teríamos campanhas voltadas para algum lançamento ou projeto para 2009, e essa campanha se inicia em todos estados do país.

Como o projeto e extenso e caso você queira saber mais o que é o Projovem basta você acessar o site

Agora a musica do comercial e de um dos e maiores ídolos da história da música brasileira, ninguém menos que Renato Russo, líder de umas das maiores e melhores bandas de rock nacional, a Legião Urbana.

Como os tempos mudam não me arriscaria a dizer o que Renato estaria pensando de um de seus sucessos como música tema de propaganda de governo. Bem que o cantor acreditava muito no social, mas em questão de tempo, que hoje nós jovens temos que nos preocupar, pois tudo anda tão rápido e as coisas não são as mesmas.

Tempo perdido é o carro forte deste comercial, com ele à campanha está sendo veiculada para rádio, TV, mídia impressa, internet. Bom é isso aí jovem não perca seu tempo e faça algo acontecer.

ProJovem Urbano



Legião Urbana - Tempo Perdido

terça-feira, 20 de janeiro de 2009

Comercial Novo Ford Focus 2009


Garimpando vários comerciais, vejo que têm muitos comerciais no fim de 2008 para 2009 que foram rodados para algum lançamento de algum produto para 2009, vi que tenho muito trabalho a fazer, e diga de passagem que o ano nem começou e a lista está cheia.

Esse comercial demonstra que a música faz bem em qualquer lugar, desde a uma fábrica, a salas e mais salas de hospitais, mesmo que aqui o asunto não seja algum hospital, mas é só um exemplo a caráter. Há alguns que dizem que a música salva as pessoas, se salva ou não, isso não posso definir, mas que ela faz bem isso eu posso garantir.
Nesse comercial as pessoas desde aos que fabricam aos que vendem estão cantando a canção, com um tom de satisfação, e felicidade que se torna característica do comercial. A melodia também é bem alegre e pra cima, causando essas sensações que acabei de descrever logo acima.

Nem sempre é bem assim dentro das fábricas, mas como na canção do “Zeca Pagodinho” tem um refrão que todo brasileiro, se não sabe, a grande maioria vive dessa forma “deixa a vida me levar vida leva eu”, ou seja, vamos levando devagarzinho, no miudinho e assim vai...
Porém foi por causa da pressão que os responsáveis pela música deste comercial, e por tanto sucesso que conseguiram, não agüentaram e pararam.

A música do comercial do novo Ford Focus 2009 “Happy Together” do grupo The Turtles. Curiosidades a partes, o grupo conseguiu tirar ninguém menos que os Beatles do primeiro lugar das paradas com a canção do comercial colocando a música no topo das paradas.
A música do comercial também foi utilizada pela outra montadora de carros, pela Toyota, porém não foi veiculada aqui no Brasil. O comercial tem outro olhar em relação ao da Ford, onde os casais que atuam no comercial ao se levantarem de manhã para ir ao trabalho eles tentam disputar quem irá sair com o carro, é muito hilário, pois ambos fazem armadilhas um para o outro para ver quem que sai com o carro. Bom se você quiser ver o fim é só clicar aqui.

Comercial Novo Ford Focus 2009



The Turtles - Happy Together - 1969

quinta-feira, 15 de janeiro de 2009

Chloé Eau de Parfum (CSS)

Não é a atoa que a nossa música tem uma boa projeção no mercado internacional, tanto como a Bossa Nova que com certeza se obteve maior êxito, e também a banda mineira Sepultura... Como a música brasileira tem uma boa projeção no exterior o mesmo se aplica as mulheres brasileiras, se tendo um bom exemplo da modelo Gisele Bündchen.

Mas com tantos nomes conhecidos mundo a fora, sempre tem aqueles desconhecidos que por um monte de mídia acabam esquecidos, mas enquanto estiverem pessoas com as capacidades de absorver e buscar trazer esses ou essas desconhecidas a tona acredito que poderá ter um melhor equilibrio.

De contra o ponto ao que se implica ao quesito hoje em dia e que se aplica ao mundo feminino sobre olhares masculinos, ser sexy se torna algo principal em tempos contemporâneos e digamos aos moderninhos... Confuso! Deixa pra lá vamos ao que interessa, pois simplesmente o nome da banda é com certeza o que as garotas integrantes pensam dessa forma “Cansei de ser sexy” é o nome dado a banda que está na trilha do comercial da empresa de perfume francesa Chloé.

Esse comercial não está sendo veiculado aqui no Brasil, porém a banda responsavél pela trilha é brazuca de São Paulo, mas que está fazendo shows em solos estrangeiros. A música do comercial se chama Let’s Make Love Listen To From Above, do álbum CSS (2007).

CHLOÉ EAU DE PARFUM



Cansei de ser sexy - let's make love and listen

sábado, 10 de janeiro de 2009

‘Big Splash’ Que mundo maravilhoso!


Refrigerantes não nos deixam chapados, mas diria que esse comercial me deixou chapado... fazendo referência com a maior ou umas das maiores tragédias ou imbecilidades humanas para ser específico.
A Coca Cola mandou bem em fazer um vídeo com diversas referências ao mesmo tempo. Big já poderíamos associar a dois ou mais acontecimentos desde que me entendo por gente, traduzindo grande, grande explosão big bang a bomba atômica, acredito que mais da metade das pessoas que frequentam esse blog saibam do que estou falando.

Com a tamanha velocidade que é essa nossa comunicação, e como um grande amigo sempre fala: “ eles ficam esperando a copa do mundo chegar”. E eu vos digo: “ enquanto eles esperam a copa eu tô marcando o gol”. Não tinha visto ainda o vídeo na TV, um defeito, é tenho que arrumar uma antena pra minha TV urgente se não vou ficar perdido que nem cego em tiroteio. Um grande amigo esses dias no MSN veio me falar sobre o blog, e me perguntou se não tinha visto o comercial, á são Gustavo, valeu se não fosse você eu estaria esperando a copa do mundo chegar. Me situei e corri para pesquisar e comecei a garimpar as informações, bom então vamos a ela e a música!

2009 iniciou-se como um ano de guerras, segundo dados do yahoo já morreram mais 800 pessoas na Faixa de Gaza. Acredito que pra muitas familias não está sendo um grande ano. É bem ousada a referencia dada no início deste vídeo, apesar de ser um apelo para algo positivo, digamos de passagem, esse vídeo é uma nova etapa da campanha ‘Viva o lado Coca- Cola da vida’, é, realmente em tempos de guerra essa mensagem cai bem para as pessoas encararem a vida com mais otimismo e alegria.

Em tempos de guerra, início de ano, contas pra pagar, crise mundial em permanência, planos e sonhos a serem realizados, nada como um bom comercial para de certa forma passar uma mensagem positiva. Somando a tudo isso, a trilha desse comercial é de um velho punk Joey Ramone (foto) e ao responsável pela primeira gravação da canção, Lois Armstrong, pois ambos já partiram para o andar lá de cima. Mas vamos ver o lado azul das coisas, ou que venhamos o nome da canção deste comercial já diz tudo “What a wonderfull word’(Que mundo maravilhoso).

A versão do Joey (deste comercial) pela característica da música vejo que tem tudo a ver com a situação do vídeo, é como se passa-se a sensação de energia e alegria. Não que a versão de Armstrong não passe, mas teria que mudar totalmente as cenas, como algo mais calmo, pois a versão traz um tom esperançoso e otimista com relação ao futuro. O interessante nisso tudo, tanto na época da primeira gravação dessa canção aos dias de hoje a sociedade que vivia naquela época, tanto a de hoje vive os mesmos problemas.
Espero que esse início de ano seja só um respingo de atrocidades , e que pare já , pois já tivemos muitas durante todos esses anos de nossas existência, e que a mensagem cantada nessa canção e passada no comercial seja seguida por todos.



Coca-Cola: Big Splash



Joey Ramone - What a Wonderful World



Louis Armstrong - What a Wonderful World

sexta-feira, 9 de janeiro de 2009

LG "Bebê cantor"

Esse comercial tanto pela comunidade internauta á nossa comunidade, tiveram as mesmas impressões sobre o vídeo, acharam super engraçado... Um bebê cantor e além do mais cantando “Born to be wild” só pra ressaltar, não são aquelas canções para ninar neném e sim um dos famosos clássicos do rock que marmanjos á adolescentes, rockeiros á motociclistas curtem, a canção é bem típica a eventos como o encontro de motociclistas que se tem em todo Brasil.

Se não fosse a tamanha repercussão do bebê cantor, algo que resultou em mais uma ação onde o internauta poderá gravar a sua própria voz, fazendo com que o bebê passe a “cantar” a música escolhida por ele. Pois então o que você cantor profissional ou cantor de banheiro ou de Karaokê tá esperando pra gravar um som, é só você acessar www.bebelg.com.br.

Mas nem sempre todos se agradam com tudo, á aqueles que não acharam engraçado a campanha da LG, mas esse não é um ponto que venho a discutir aqui e sim a música, se o efeito da voz do bebê é bizarro, se parece com a propaganda tal, isso aqui não se torna de minha competência, não que a tenha... mas a música aqui é o meu foco, e vamos a ela.
A música do comercial, ou do “bebê cantor” título dado por alguns blogueiros, é da banda Steppenwolf, uma banda de rock formada em 1967, onde relatei logo a cima que ela é considerada um dos maiores hinos dos motociclistas de todo o mundo.

Além do comercial a canção foi utilizada como tema do filme “Sem destino” (Easy Rider), também se não me engano em outro comercial, pelo qual não me lembro totalmente, mas foi usado.

De acordo com algumas traduções e se tratando do nome da música em si “Nascido pra ser selvagem” ou seja vamos extravasar, arregaçá, chutar o balde e sair por mundo a fora curtindo a vida sem compromissos, isso são alguns do significados que encontrei na tradução desta canção, e o som também já me dá essa sensação de liberdade.

Vamos viajar mais um pouco?

Pois então interpretações são feitas a todo momento, e fazendo a minha, colocando a letra da canção com a situação daquela cena, vejo que tem tudo a ver. Bom em toda profissão e todo profissional as vezes com certeza da aquela vontade de sair pra se estravasar, pois as vezes pela mesma rotina ou sei lá qual o motivo. A parte em que o médico dar aquele olhar bem tímido, mas demonstrando que gostou da pronuncia em que o bebê cita o nome da música, já diz tudo com a relação da letra e o profissional ali, digamos que ele naquele momento pudesse ter se sentido descontraído com a situação.

Bom são apenas interpretações, e você quais interpretações você faria?

LG Bebê

domingo, 4 de janeiro de 2009

Coleção Folha Clássicos do Jazz

Esse é o tipo de comercial com uma linguagem diferente, pois seus significados são apresentados de forma clara, mas porém não são todos que possam entende lo, mais por que será? Pela nossa cultura, acredito que algumas pessoas possam ter tido alguma dificuldade de interpreta-lo ou entende lo. Vejamos, seria mais fácil se fosse samba, mas o assunto e o produto promocional do cliente e totalmente diferente, seu público também, não que seu público seja um público extrangeiro ou que não gosta de samba, mas sim um público eclético que gosta tanto de samba como do jazz.

Caros amigos, é na linguagem que cada estilo musical se transita pelo mundo, e acaba criando sua tribo, lendo recentemente uma entrevista na Modern Drummer do baterista Renato Massa, ele abordou esse mesmo assunto. E o que isso tem a ver com a publicidade ou o comercial a ser visto, poderia diser aqui que os publicitários quando tem um determinado tipo de cliente ou assunto ele tem que saber qual é linguagem do seu cliente e produto e por aí vai...

Esse comercial Coleção Folha Clássicos do Jazz passa qual é a verdadeira mensagem que é o jazz, sobe representar de forma “clara”, para aqueles que conhecem ou escutam jazz, porém certamente este pode ter criado algumas inquietações em algumas pessoas, mas a linguagem estava clara. O jazz tradicional é essa linha de raciocionio do instrumento, é como eles se estivessem se comunicando, pra poder representar melhor mais a massagem foi adicionado pessoas para poder exemplificar o que é a música instrumental ou o jazz em si.

Quando eu vi o comercial fui correndo pras bancas atrás do meu cd e livro, porém não tive sorte, pois pelo que vejo essa coleção teve pouquíssimos exemplares, não tive a sorte nem de se quer de ver o material e tocá lo. Mas isso é passado, hoje com que venho aprendendo, pra ser sincero mais como aluno de publicidade e propaganda, que como músico vejo que hoje posso interpretar mais as coisas e sua linguagem em si, não que a música esteja fora, mas sim ela está presente em tudo, se não fosse ela com certeza não estaria dando esse exemplo a cima.

Mas a música que todos esperam saber, só aparece no fim em um pequeno trecho, e é a música de um dos maior jazzistas. Ninguém menos que o genial Herbie Hancock e a música se chama Cantaloupe Island.

Coleção Folha Clássicos do Jazz



Herbie Hancock - Cantaloupe Island -

sábado, 3 de janeiro de 2009

“ de que cor é o Brasil para você?”


No fim do ano anterior a Natura lançou mais um comercial de Natal, e desde 2003 eles vem com o mesmo conceito, esse conceito que abordarei para essa postagem pois por mais que seja um comercial de fim de ano, de certa forma ele acaba sendo uma boa chamada para podermos iniciarmos bem o ano que se inicia.


Em 2003 deu se inicio a esse conceito “Feliz Brasil”, e para o ano que passou foi criado o slogan “ de que cor é o Brasil para você?”. De acordo com Eduardo Simon, diretor de atendimento da agência Taterka Comunicações, “ Aqui o País, que o brasileiro está familiarizado com as cores e contrastes, seja na roupa ou na comida, na religião ou na descendência de sua população. O Brasil é multicolorido”.


O comercial aponta diversas cores, que não se resume somente no verde e amarelo, mas sim em uma variedade de cores que representa essa diversidade que é o Brasil, “ Feliz Brasil para você”. Você que anda acompanhando a novela “ A Favorita” da Rede Globo, foram criadas duas ações de merchandising na novela com a atriz Mariana Ximenez reforçando a campanha. Com isso, foi criada uma peça de página tripla para ação em veículos impressos, também teve anúncios para as revistas da editora abril na Veja, Ana Maria, Exame, Cláudia, entre outras.


A música foi feita para o comercial, e ela vem embalada por o ritmo da Bossa Nova, lembrando que o ano que se passou foi um ano de muitas comemorações, com os 50 anos da própria Bossa, centenário de Machado de Assis, Cartola, imigração Japonesa...


Em 2004 a campanha veio acompanhada pela voz da Gal, e a música composta e do Ronaldo Bastos e Celso Fonseca.


Espero que nesse ano todos possamos realizar nossos sonhos que a armonia das cores que foram apresentado ao comercial de 2008 seja uma grande resposta para grandes perguntas.


sexta-feira, 2 de janeiro de 2009

Seja bem vindo!

Olá um ano se passa e com isso somos tomados de esperança e sonhos, somos tomados por uma infinita soma de sentimentos, colocamos na balança as ações e atitudes do ano anterior. E aqueles que estão á busca, digamos no quesito de mais informação, como no meu caso, vejo uma infinita variedade de assuntos a serem relembrados e tratados aqui.

Nada melhor que pesquisar e viajar pela imaginação, um mause, teclado, gabinete e monitor ou seja o pczão, e é com essa força que hoje a internet vem possibilitando para aqueles que realmente sabem qual a sua finalidade, sendo elas, informação, pesquisa e claro interatividade.



Como iniciei as atividades no fim de 2008, percebi o tanto de spots e jingles que tem no mundo da publicidade e todos de boas qualidades.

Vale lembrar que a cada comercial que vejo se torna um desafio maior, pois sendo cada estilo musical ou a música em si, dentro da campanha se torna um assunto diferente, o rock, jazz, folk, blues, funk, samba, bossa ou seja uma variedade de estilos em que cada um deles tem uma linguagem diferente pela qual sempre com olhar crítico busco ver se tem a ver com assunto da campanha.



Um outro dessafio que buscarei agregar a esse blog serão as campanhas veiculadas fora do país, pois dessa forma você leitor que acompanha minhas postagens possa saber como se faz publicidade fora do nosso país, e com isso acredito que você verá que tanto em outro país a nossa publicidade não é de se deixar a desejar.



Seja bem vindo a mais um ano e relembraremos aqueles comerciais de anos atrás e aos atuais que forem surgindo ao decorrer do ano, e também aqueles que não rodam na TV brasileira.

Seja bem vindo!